Campanha de Bolsonaro retoma agenda

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) está com a condição clínica estável, afirmou o último boletim médico divulgado pelo hospital Albert Einstein nesta quinta-feira (13). O candidato segue internado na UTI após ter sido submetido a uma cirurgia de emergência na noite de quarta-feira (12).

Sem previsão de alta, aliados de Bolsonaro estão receosos pelo fato de o deputado não conseguir fazer campanha nas ruas.

O coordenador da campanha do PSL em São Paulo, deputado Major Olímpio, disse que, a partir desta sexta-feira (14), pretende retomar a agenda do candidato: “estamos retomando todos os atos de campanha. Nosso líder está sendo super bem cuidado e vai melhorar dia a dia. Vamos fazer a vitória dele no primeiro turno aqui fora”.

A ideia é mostrar coesão e continuar as visitas acompanhado do vice na chapa, General Hamilton Mourão, e do filho do presidenciável, Eduardo Bolsonaro, candidato a deputado federal.

Major Olímpio, que disputa vaga no Senado, afirmou que os aliados não têm “capacidade de levar milhares de pessoas às ruas” como Bolsonaro, mas que, mesmo assim, eles vão transmitir a mensagem do candidato.

Uma questão que divide os apoiadores do deputado é o protagonismo que o vice deve ter na campanha. Nesta quinta-feira, o General Mourão disse que vai propor a Bolsonaro, na segunda-feira, substituí-lo nos debates televisivos.

(JovemPan)
Expresso CE - Interna Inner