Advogado pede impeachment de Lewandowski, que está em Fortaleza

O advogado Modesto Carvalhosa vai protocolar às 14h no Senado um pedido de impeachment do ministro Ricardo Lewandowski. A acusação é de abuso de poder, por mandar a Polícia Federal prender o advogado Cristiano Caiado de Acioli, que abordou o ministro durante voo para dizer que o STF é uma vergonha.

Enquanto isso, na manhã desta sexta-feira (7/12), Ricardo Lewandowski dava palestra na Câmara Municipal de Fortaleza, com o tema “Direitos Fundamentais após a Constituição de 1988”, dentro do seminário do Programa de Capacitação e Formação Continuada dos servidores de Casa legislativa.

Na platéia do ministro, o vice-presidente do TRF-5ª Região, desembargador federal Cid Marconi, o prefeito Roberto Cláudio (PDT) e o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Edilberto Pontes.

Na porta da CMF, cerca de 30 pessoas do Movimento Endireita Fortaleza cobrava liberdade de expressão, motivados pelo episódio que envolveu o ministro e o advogado no avião. 

(Com O Antagonista e Eliomar)

Expresso CE - Interna Inner