Rabelo entra com pedido de recuperação judicial

O Grupo Rabelo protocolou pedido de Recuperação Judicial na 2ª Vara de Recuperação de Empresas e Falências de Fortaleza, na última quarta-feira, 24.

Em nota, a Direção da Rabelo afirma que, embora a recuperação judicial não estivesse inicialmente nos planos do grupo, a queda nas vendas ao longo dos últimos anos, impulsionada pela crise econômica no País, "tornou necessária a adoção de uma medida legal e eficiente" para a manutenção das atividades da empresa, preservação dos empregos de e seguimento da marca.

Conforme o advogado Roberto Lincoln, sócio do escritório Braga Lincoln Advogados, que representa o Grupo Rabelo, a recuperação judicial possibilitará à Rabelo renegociar "de forma isonômica suas dívidas junto aos credores, e implementar medidas de aprimoramento gerencial aptas a permitir a retomada do crescimento que acompanhou o Grupo ao longo das últimas décadas".

(Redação O Povo Online)