Fugiu da guerra na Síria e morreu no incêndio de Londres

Aos poucos vão-se conhecendo as histórias das vítimas mortais do incêndio na torre de apartamentos Grenfell, nos arredores de Londres. A primeira vítima identificada pelas autoridades foi Mohammad Alhajali, um refugiado sírio de 23 anos.

O jovem estava no Reino Unido há três anos, depois de ter escapado à guerra civil que tem destruído o país nos últimos seis anos. Mohammad vivia na cidade de Daraa e veio para Londres com o irmão Omar, 25 anos, que também estava na torre de apartamentos e encontra-se hospitalizado.

Mohammad ficou retido no seu apartamento no 14º andar durante duas horas. Os bombeiros não conseguiram salvá-lo, pois não conseguiram subir aos pisos acima do 13º. Um dos amigos da família, Abdulaziz Almashi lamenta o trágico destino de Mohammad. “Sobreviveu a Assad, à guerra na Síria, para morrer numa torre de apartamentos em Londres. 

(NAM)